11 de fev de 2011

pra alegrar o coração

o mote pra um texto no blog pode surgir de vários acontecimentos... uma conversa na mesa de bar, um cochicho escutado sem querer na fila do banco, uma impressão artística, uma inquietude na alma ou... o e-mail de uma amiga.


foto: charles guerra. disponível aqui
e é desse último que me vem a inspiração pra registrar a alegria de estar viva e ter amigos. receber boas notícias e ser convidada a compartilhá-las é uma coisa que me enche toca fundo o coração. eis que nesta manhã cinza, recebo notícias felizes de uma amiga que está longe, mas bem perto dos meus pensamentos. nem preciso dizer que minha sexta-feira ganhou outras cores. não quero nem preciso reproduzir aqui o que ela me contou e, mesmo sem pedir autorização, quero e vou registrar as palavras que tanto amei:

"Obrigada pelo carinho de sempre. A tua amizade para mim é salutar. É
referência. É a certeza de dizer: poxa, como a gente cresceu gente boa.
Acho, Aninha, que somos aquelas, ainda, adolescentes que sonhavam com um
mundo melhor. O tempo não nos corrompeu.
Que lindo, né?"

sim, querida amiga. a gente cresceu gente boa. e com certeza ainda somos as mesmas. diferentes no amadurecimento (psicológico e estético, diga-se de passagem), mas as iguaizinhas na essência e personalidade. e enquanto conservarmos a alegria de viver, o brilho no olho perante cada novo desafio e, principalmente, a paixão pelo que fizemos, com certeza mudaremos o mundo. ao menos o mundo ao nosso redor. e isso já me basta.

Nenhum comentário: